background
Sexta, 30 Setembro 2016 10:54

CAMINHONEIRO, VOCÊ CONHECE A ESTRUTURA DO PNEU?

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

A estrutura de um pneu radial de carga é composta por diversas partes, materiais, componentes, compostos e perfis. Veja abaixo os principais itens.

  • Banda de Rodagem – Por ser o único componente que entra em contato com o solo, a banda de rodagem é fabricada com compostos resistentes à abrasão e temperatura. O tipo de desenho é um dos determinantes para o tipo de serviço que o pneu foi construído. Os principais desenhos são Direcional, Tração e Misto, passando por serviço urbano, longa distância e serviços regionais, entre outros. Hoje em dia, os compostos mais nobres têm sílica, material que permite que o pneu rode mais livre reduzindo o consumo de combustível.
  • Costado, Flanco ou Lateral – É a parte com grande flexibilidade por ser uma área de grande trabalho. Seu composto tem de ter resistência sem sofrer rachaduras, além de  capacidade de sofrer abrasão por contato com meio-fio. É nessa área que estão gravadas todas as inscrições do pneu como medida, tipo de construção, símbolo de velocidade, símbolo de carga e certificações entre várias outras. O número de série do pneu que vai estampado em seu costado determina a semana e o ano de sua fabricação.
  • Cintas – O pacote de cintas tem basicamente duas funções: fazer a amarração da carcaça e protegê-la. É esse pacote que mantém a integridade da carcaça nas diversas ocasiões. Para serviços mais severos existe normalmente uma cinta adicional, a qual pode ser retirada para a reforma do pneu, caso esteja com muitos sinais de perfuração.
  • Carcaça – A carcaça pode ser considerada o esqueleto do pneu. Sua construção define o tipo radial ou diagonal, capacidade de carga, velocidade etc.Pode ser de aço, nylon ou outros materiais.
  • Área do Talão – Essa área deve ter como principal característica a rigidez, pois ancora o pneu na roda. Portanto, não pode ser elástica nem flexível. Outra característica é a existência de um “cabo de aço” circular de um fio só. Sua resistência é definida pelo número de voltas e seu diâmetro.
  • Liner – Esse componente é uma camada de composto sintético que reveste o pneu internamente. Sua função é estancar o ar no interior do pneu. Existem muitos outros detalhes que envolvem a estrutura da carcaça do pneu, porém neste espaço procuramos tratar dos principais.

Esse Boletim é de responsabilidade do Consultor na área Automotiva Pesada, Guilherme Junqueira Franco,

O Carreteiro



Lido 258 vezes